O projecto “Performance do Umbigo” cruza a expressão sonora e corporal com as Artes Visuais, como o nome indica, explora as potencialidades desse meu orifício, que protagoniza uma acção que interfere com o ruído produzido por um equipamento electrónico.

Performance do Umbigo

Performance apresentada em Lagos no Laboratório de Actividades Criativas, Espaço Jovem e Mercado da Avenida.

O projecto “Performance do Umbigo” cruza a expressão sonora e corporal com as Artes Visuais, como o nome indica, explora as potencialidades desse meu orifício, que protagoniza uma acção que interfere com o ruído produzido por um equipamento electrónico. Neste trabalho também se quebra as fronteiras entre o espaço íntimo e o espaço público e assume-se a dádiva do corpo vivo em espaços marcados pelo comércio e serviços onde normalmente a performance é apresentada. Esta performance insere-se na pesquisa venho desenvolvendo em torno das potencialidades do corpo enquanto gerador de sons e imagens que se alteram devido a acções específicas e movimentos anatómicos. Escolhi o Umbigo, esse buraco que nos transporta ao interior de um corpo, que ora brando ora excitado, vagueia lentamente atraído por um som agudo. Esse som é moldado pela minha energia e constrói uma outra atmosfera.